[Filme] Peter Pan (2015)


Título Original: Pan
Gênero:  Aventura / Fantasia
Lançamento: 8 de Outubro de 2015
Duração: 1h52m
Distribuidor: Warner Bros
Direção: Joe Wright
Roteiro:  Jason Fuchs  , obra original de J.M. Barrie
Produção: Greg Berlanti e Sarah Schechter
Elenco:
Levi Miller como Peter
Hugh Jackman como Barba Negra
Garrett Hedlund como James Gancho
Rooney Mara como Tigrinha
Cara Delevingne como Sereias
Amanda Seyfried como Mary Darling
Adeel Akhtar como Sr. Smee
Nonso Anozie como Bispo

Sinopse:
   Peter é um garoto de 12 anos que vive em um orfanato em Londres, no período da Segunda Guerra Mundial. Um dia, ele e várias crianças são sequestradas por piratas em um navio voador, que logo é perseguido por caças do exército britânico. O navio escapa e logo ruma para a Terra do Nunca, um lugar mágico e distante onde o capitão Barba Negra (Hugh Jackman) escraviza crianças e adultos para que encontrem pixum, uma pedra preciosa que concentra pó de fada. Em pleno garimpo, Peter conhece James Hook, que tem planos para fugir do local.



  Bom, gostaria muito de conhecer melhor a peça original para poder analisar melhor o filme. Mas infelizmente só tenho como referencia o filme da Disney de 53, então tentarei não estabelecer  paralelos injustos. 

   Bom, podemos dizer que o elenco já é motivo suficiente para ver este filme. Hugh Jackman não só atuou fantasticamente como teve a ajuda de uma incrível equipe para ficar totalmente diferente, ainda não consigo identificar o rosto dele ali (não sei se para todos isso é um fator positivo, mas para mim foi, um ator que mostra ter mais faces do que aquele que marcou sua fama, em seu caso, o Wolverine). Outra atriz que para mim marcou presença foi Rooney Mara (conhecida por seu papel como Lisbeth Salander na versão americana de Os Homens que Não Amavam as Mulheres) a personagem pouco participativa na versão da Disney ganhou um papel mais que especial nesta versão, sendo forte, carismática e com um visual que faz as mãos de cosplayers tremer!  

  Mas devo confessar que não gostei nem um pouco de James Hook, não sei se no original é assim, mas a falta de um gancho e o estilo Indiana Jones me fizeram demorar para entender que ele era realmente o Gancho. Mas preciso dar créditos ao seu papel na história e fiquei muito feliz de ver Garrett Hedlund (Sam Flyn de Tron Legacy) nas telas novamente.

  Apesar de várias pessoas acharem o roteiro confuso. eu discordei, mas achei sim um pouco esburacado e atropelado. Se me lembro bem, na versão da Disney o Jolly Roger voa por causa do pó de fada. Mas nesta versão o Pixum estão em escassez e o que conseguem serve para rejuvenescer Barba Negra, que aliás, porque ele e os nativos são únicos que envelhecem na terra do nunca? Enfim, como os navios deles voam então? Outros atropelamentos foram a "grande" busca pelo mapa que leva a terra secreta das fadas, o maior segredo da aldeia, que os nativos protegiam com as suas vidas, que estava simplesmente pendurado e exposto na tenda do chefe; e o concerto relâmpago que Gancho faz em um navio abandonado que dura um corte de cena.

  Infelizmente o filme tem lá seus defeitos. Mas para mim isso não foi o suficiente para acha-lo ruim. E falando de coisas legais: A Sininho! Fiquei tão feliz porque não sabia se haveria algum sinal dela no filme. Gostei do romance entre Tigrinha e Gancho, apesar de não esperado para quem conhece a versão da Disney, ele se torna óbvio no começo do filme, me faz lembrar um pouco o casal Leia e Han Solo. Outro detalhe me fez lembrar de Percy Jackson e o Ladrão de Raios (Livro bom, mas filme ruim), tanto Peter quanto Percy são disléxicos, mas o são porque só conseguem ler as escritas de suas terras de origem.

  O enredo foi bem desenvolvido no geral, os personagens são cativantes, as lutas são bem exploradas. E como estou fazendo a série de postagens Filmes Que Andei Assistindo, para fazer uma postagem separada desse filme, foi porque eu realmente gostei. O cenário amplia a Terra do Nunca que conheciamos e a potencia do vilão trás um contraste ainda maior coma  inocência do protagonista. Outra nota digna é que a dublagem brasileira mandou bem de novo. E para convencer um pouco mais, que tal a tripulação de piratas cantando Smells Like Teen Spirit e Blitzkrieg Bop? Eu definitivamente passo longe de ser fã de qualquer uma dessas bandas, mas devo confessar que as cenas foram o máximo!


Screenshots: 















Wallpapers:





2 comentários:

  1. Desde que vi que iam lançar fiquei com vontade de assistir esse filme.
    Ele parece ser bem legal, mesmo com os atropelamentos e defeitos citados. ^^
    Pelo menos achei a ideia bem interessante.
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo com todos os deslizes que citei, achei o filme perfeito!

      Bites!

      Excluir